Ouvir

Cheira a fim de regime

1974

3 de janeiro: BBC noticia o golpe de estado que não existiu

1974

14 de janeiro: António de Spínola toma posse como Vice-Chefe de Estado Maior das Forças Armadas

Entrevistados

 

Fernando Rosas

Professor e investigador

Em 1973, pertencia aoMovimento Reorganizativo do Partido do Proletariado) e, na clandestinidade, morava numa casa de apoio na grande Lisboa.

Depois de dinamizar uma campanha de denúncia pública do assassinato de Amílcar Cabral pela PIDE, escapa de uma tentativa de detenção.  

É atualmente professor catedrático jubilado do departamento de História da Faculdade de Ciência Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.

Mais info ↗

Ver

Kaúlza de Arriaga é o líder de um golpe de Estado denunciado às portas de 1974

Ouvir

Excertos das entrevistas

Fernando Rosas: Spínola manda avisar da intenção golpista de Kaúlza

2k7XOqodl8oDDT4IpQL7AY

Fernando Rosas: O capitães interpretam o cansaço social da guerra

0ymaiKq1tiqXitHQJ1hxoT

Fernando Rosas: Generais adversários mas membros do mesmo clã

6GUe4zD2bPZpv75H2BBG5v

Fernando Rosas: A consciência política cresce com a guerra

54mg76YsIwc2yTbiBraT4m

Fernando Rosas: Kennedy incentiva a descolonização

1JaIDEWkaQzF5J7ql2kQYm

RTP Arquivos

 

Descobrir mais